5 motivos para ler David Foenkinos | Livro Lab
Últimos vídeos    |  Se inscreva no canal
Resenha: Sopa de Lágrimas, de Gilbert Hernandez  3 hábitos musicais de hoje e da minha adolescência  My Little Pony – O Filme: 4 motivos para assistir
Leituras de abril

5 motivos para ler David Foenkinos

5 motivos para ler 23 de junho de 2014 Aline T.K.M. 8 COMENTÁRIOS


Nascido no dia 28 de outubro de 1974, em Paris, David Foenkinos é considerado atualmente um dos melhores escritores de sua geração na França. Estudou Letras na Sorbonne e é um grande admirador dos livros de Albert Cohen, principalmente Bela do Senhor. Foenkinos é formado também em Música (jazz) e já foi professor de guitarra.

Aos 27 anos publicou seu primeiro livro, intitulado Inversion de l’idiotie : de l’influence de deux Polonais, que recebeu o prêmio François Mauriac. Em 2011, Foenkinos esteve em quarto lugar na lista dos escritores mais vendidos do ano na França. Ainda, o escritor esteve presente na Flip, em 2009.

Saibam que David Foenkinos está no meu top 5 de autores preferidos. Conversas à parte, vamos aos cinco motivos...:


Cartaz da adaptação de 'A Delicadeza'
1. Foenkinos é um cara versátil: além de escrever romances, também é roteirista de cinema e escreve histórias em quadrinhos. Sem falar que já deu aulas de guitarra...

2. O amor é presença constante em seus livros, que costumam conter toques de pessimismo, humor e, claro, ironia – ingredientes mágicos! É hábito do autor presentear seus leitores com detalhes inimagináveis, informações que podem parecer supérfluas num primeiro momento, mas que fazem toda a diferença na atmosfera da trama.

3. Embora seja ficção, As Lembranças traz muito do próprio autor (aliás, todos os seus livros carregam algo dele mesmo). Inspirado em aspectos de sua vida, o livro é considerado o mais pessoal de Foenkinos. De fato, ele mesmo se diz tímido, assim como o protagonista do romance – um dos personagens de que mais gostei nos últimos tempos.

4. Houve um momento em que, apesar de suas publicações anuais, Foenkinos experimentou uma queda considerável em sua popularidade. Criativo e ousado, em 2007 resolveu publicar um romance intitulado Quem se lembra de David Foenkinos?, no qual ele questiona, com humor irônico e zombando de si mesmo, as dificuldades do autor esquecido, que se acredita perdido e em crise de inspiração.

5. Junto com seu irmão, Stéphane Foenkinos, o autor esteve na direção da adaptação de A Delicadeza, seu livro mais vendido. Foenkinos revelou que já pensava em Audrey Tautou para o papel da protagonista, mas que não acreditava muito que ela fosse aceitar. Para alegria dele – e a nossa também! –, ela adorou a história e topou o projeto.
Curiosamente, David Foenkinos pediu para que os atores não lessem o livro antes do filme, para que não obtivessem muita informação acerca da psicologia dos personagens – ele queria basear o filme na simplicidade e na emoção.

BÔNUS! Fã de John Lennon, em 2010 ele publicou Lennon (não lançado no Brasil), um livro situado entre a biografia e a ficção, no qual o autor se coloca na pele do astro dos Beatles.

PRINCIPAIS OBRAS:
Inversion de l’idiotie : de l’influence de deux Polonais (2001) – não lançado no Brasil
Entre les oreilles (2002) – não lançado no Brasil
O potencial erótico de minha mulher (2004)
Em caso de felicidade (2005)
Quem se lembra de David Foenkinos? (2007)
Nos séparations (2008) – não lançado no Brasil
A delicadeza (2009)
As lembranças (2011)
Je vais mieux (2013) – não lançado no Brasil

Aline T.K.M.
Criou o Livro Lab há 7 anos e blogar é uma das coisas que mais ama fazer, além do teatro, da dança e dos mais variados tipos de expressões artísticas. Tem paixão por viajar e conhecer outras culturas. Ah, e ama ler em francês!

 

Você também vai  

8 COMENTÁRIOS

  1. O fato dele ter escrito o livro no qual foi baseado o filme "A Delicadeza do Amor", que eu simplesmente amei, e do próprio tê-lo co-dirigido, já é motivo de sobra para eu me interessar pela obra do autor, além do fato de todos seus livros terem uma premissa e, aparentemente, uma narrativa que muito me agradam. Então os livros de Foenkinos já estão certamente no topo da minha lista de futuras aquisições. ;D

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ah, esse filme é a coisa mais linda, né!!!! Vale a pena ler o livro, o filme foi bem fiel, acho que você vai gostar. Gosto muito do Foenkinos, e se você gostar dos livros dele, dá uma olhadinha nos do Martin Page, outro francês contemporâneo que vale a pena conhecer.

      Excluir
    2. Martin Page também tem livros na minha lista de desejados, ambos autores que eu conheci aqui no blog, espero ler algo dos dois em breve. Considerando que o seu gosto geralmente bate com o meu em vários aspectos, acredito que gostarei bastante dos dois, assim como eu gostei do Julian Barnes.

      Excluir
    3. Lê Martin Page sim, garanto que vai curtir! =) E, realmente, Julian Barnes é muito bom, ainda pretendo ler o mais recente dele.

      Excluir
  2. A Delicadeza é um filme lindo. Gosto de dizer que ele é um filme único, cheio de nuances. Suspeita em falar adoro Audrey Tautou ♥. E preciso ler o livro..

    Beijinhos, Helana ♥
    In The Sky, Blog

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Amo esse filme, e o livro é uma graça, tem essas inserções no meio, como se fossem parênteses do autor, achei o máximo. ;-)

      Excluir
  3. Ainda não tive a oportunidade de conhecer o trabalho literário dele, mas já assisti "A Delicadeza do Amor" e gostei muito do resultado final, principalmente porque o cinema europeu tem um charme especial. Apenas esse fato já aumentou a minha expectativa em relação aos livros, já que tinha certeza de que me surpreenderia. Agora, conhecendo seus motivos, posso dizer isso sem medo de errar. rsrs

    Beijos,
    Ricardo - www.overshockblog.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Amo o cinema europeu; já assisti a muita coisa, mas ainda falta ver/conhecer outro tanto enooorme de coisas. A Delicadeza do Amor é um filme especial e o livro não fica atrás. Vai sem medo que tenho certeza que irá curtir a escrita de Foenkinos! Bjs.

      Excluir

Siga @aline_tkm lá no Instagram!

Parceiros