O Teorema Katherine [John Green] | Livro Lab
Últimos vídeos    |  Se inscreva no canal
Filme: Um Tio Quase Perfeito  Livros recebidos em abril  Resenha + Sorteio: Quer que eu desenhe? (vol.2)
Leituras de abril

O Teorema Katherine [John Green]

Intrínseca 17 de maio de 2013 Aline T.K.M. 10 COMENTÁRIOS


Colin Singleton gosta de Katherines. Já teve dezenove namoradas, todas Katherines, e cada uma delas terminou com ele. Após seu décimo nono pé na bunda, Colin – ex-prodígio e viciado em anagramas – resolve cair na estrada com seu melhor amigo, Hassan, e com uma missão: desenvolver o Teorema Fundamental da Previsibilidade das Katherines, que o fará ocupar o posto de gênio e, claro, reconquistar sua Katherine XIX.

Em tom tragicômico, O Teorema Katherine traz uma visão diferenciada acerca dos relacionamentos amorosos, especialmente os malsucedidos.

Um gráfico que possa prever o desfecho de uma relação é, seguramente, uma daquelas “invenções” que muitos dariam tudo para ter em mãos. E é isso que Colin persegue: criar um teorema aplicável a todas as suas dezenove Katherines, portanto a todos os relacionamentos, precisando quando e quem terminaria a relação. Pensar em um teorema como este é algo bastante engraçado; no entanto, tal esforço em racionalizar os namoros revela uma personalidade insegura e com alguma dificuldade em compreender e lidar com o outro. Ao mesmo tempo em que presenciamos a prodigiosidade do protagonista, acompanhamos também suas fraquezas e o percurso bastante aventureiro que Colin empreende para superá-las.

O texto é gostoso de ler, conduz o leitor de maneira natural e “indolor”, além de ir (muito bem) acompanhado de um enredo repleto do frescor e pretensão tipicamente juvenis. E não uso aqui a palavra pretensão ligada a qualquer sentido negativo, mas aos próprios desejos e grandes ambições dos jovens, e até a certa vaidade.

Contudo, são os personagens a grande atração do livro! Hilários em suas tiradas e convincentes em seus dilemas, o trio Colin-Hassan-Lindsey parecem uma unidade, como que feitos uns para os outros. Já as Katherines, todas, parecem fundir-se em uma instituição; algo com tamanha dimensão na vida de Colin que parece mesmo adquirir ares beirando o místico.

O Teorema Katherine não é um livro que, necessariamente, faz refletir. Na realidade, as reflexões são desenvolvidas ao longo da trama, conduzidas pelos próprios personagens e se desenrolam perante o leitor. O livro “entrega” as respostas, em vez de fazer com que o leitor as procure – o que achei bastante válido e apropriado ao que propõe a trama.

LEIA PORQUE...
A matemática que permeia a história foi realmente uma boa sacada. O apêndice, ao término da leitura, explica melhor a matemática do teorema criado por Colin – apesar de ser um “plus”, vale a pena ser lido.

DA EXPERIÊNCIA...
Leitura ágil e divertida. As notas de rodapé, frequentes ao longo da narrativa, são um atrativo à parte: não são tecnicamente essenciais para a compreensão do todo, mas poxa, tais linhas diminutas fazem toda a diferença! Uma das delícias desta leitura!

FEZ PENSAR EM...
Há séculos não ouvia falar de eixo x, eixo y,... E apesar de sempre ter tido um péssimo relacionamento com números e gráficos, achei bastante interessante a matemática presente no livro.

Título: O Teorema Katherine
Título original: An Abudance of Katherines
Autor(a): John Green
Editora: Intrínseca
Edição: 2013
Ano da obra: 2006
Páginas: 304

Aline T.K.M.
Criou o Livro Lab há 7 anos e blogar é uma das coisas que mais ama fazer, além do teatro, da dança e dos mais variados tipos de expressões artísticas. Tem paixão por viajar e conhecer outras culturas. Ah, e ama ler em francês!

 

Você também vai  

10 COMENTÁRIOS

  1. Ah que legal a resenha! Comprei o livro logo no início do mês e não vejo a hora de lê-lo. Me apaixonei pelo John devido "A Culpa É Das Estrelas" e espero que O Teorema Katherine seja tão bom quanto. Ainda estou com o Looking For Alaska para ler e estou super ansioso também já que muita gente fala que é o melhor livro do John.

    http://compulsivebookaholic.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Quero tanto ler A Culpa é das Estrelas! Gostei bastante deste (O Teorema), mas a grande maioria das resenhas que li dele falavam bem mas diziam não podiam compará-lo com A Culpa... Gostei da escrita do John e quero ler mais dele, fato! Bjos!

      Excluir
  2. Oi Aline!!
    Eu ainda não pude ler O Teorema Katherine, mas mal posso esperar. Me apaixonei pela escrita do John Green em A culpa é das estrelas, além dele ser muito divertido no seu canal no youtube. Eu espero que o livro seja realmente bom, porque já ouvi opiniões bem divididas.

    Beijos!
    Aline
    Memoirs and Books

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Aline (nome boniiito!), O Teorema foi o primeiro e único livro que li do autor e gostei bastante. Mas em vários blogs vi dizerem que A Culpa é das Estrelas é melhor. Não tenho como dizer (pelo menos não ainda), mas os temas são diferentes, acho que comparar os dois livros não seja algo tão justo assim. Pelo menos é o que imagino levando em conta o que já li do A Culpa em resenhas. Bjoka!

      Excluir
  3. Oi Aline.
    Eu li A culpa é das Estrelas do mesmo autor e amei, fiquei encantada pela maneira como ele soube levar a narrativa.
    Já O Teorema Katherine eu estou bem desanimada para ler, na verdade a premissa não me atraiu, essa coisa louca de criar um teorema por conta dos números de Katherine que o cara namorou rsrsrs, não me atraiu. O livro está no Kindle, quem sabe qualquer hora ...

    Beijos
    Leituras da Paty

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Paty! Realmente todo mundo que já leu os dois livros diz que A Culpa é das Estrelas é infinitamente melhor, e que por isso O Teorema acaba parecendo fraquinho demais. Não li A Culpa, mas achei O Teorema bem divertido. Não é um livro que muda vidas, mas deu para passar boas horas com ele. =) Bjoka!

      Excluir
  4. Estou morrendo de vontade de ler esse livro. Adoro John Green e a Culpa é das Estrelas.
    Acho que vou me apaixonar por esse livro também
    Adorei a resenha, me deixou mais ansiosa para ler.

    Beijos
    Marta
    http://aspalavrasfugiram.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. É um livro definitivamente engraçado! Não li A Culpa é das Estrelas, mas percebo que o pessoal geralmente o prefere em relação a O Teorema. Não sei, mas acho que não deve dar para comparar de fato, já que os temas são bem diferentes. Bj!

      Excluir
  5. Geral falando de O teorema de Katherine, não é prioridade mas coloquei na pilha mesmo assim! Li A culpa é das estrelas e fiquei apaixonada pela escrita do John, tão leve, jovem e ao mesmo tempo diz tanta coisa, poética!

    Beijo ALine! - http://garotadasletras.blogspot.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Geovanna! Ah, O Teorema Katherine é divertido e tem uma proposta diferentinha, além dos personagens serem hilários. Acho que não deve ter a mesma profundidade de A Culpa, mas certamente foi uma boa leitura. Bjão!

      Excluir

Segue @aline_tkm lá no Instagram!

Parceiros