Notre Dame: 5 motivos para ver o filme francês delicinha da vez! | Livro Lab
Últimos vídeos    |  Se inscreva no canal
Minhas 10 últimas leituras  Resenha: Solução de Dois Estados  TAG dos 50 por cento: melhores leituras do semestre
Semana do Consumidor Amazon | Livros

Notre Dame: 5 motivos para ver o filme francês delicinha da vez!

Cinema francês 11 de fevereiro de 2021 Aline T.K.M. Nenhum comentário

Notre Dame: 5 motivos para ver o filme francês delicinha da vez!

Como uma história sobre um fracasso pode ser, acima de tudo, uma narrativa inspiradora e que emana vitória?

A comédia francesa Notre Dame, da cineasta e atriz Valérie Donzelli (que também protagoniza o filme), responde à pergunta acima e encanta o espectador de um jeitinho único.

O longa estreia hoje nos cinemas! Eu já tive a chance de conferir e vim aqui trazer 5 motivos para assistir – seguindo todas as medidas de segurança, claro!

SINOPSE

Maud Crayon (Valérie Donzelli) é uma arquiteta que mora em Paris e leva uma rotina atarefada entre o trabalho com um chefe nada compreensivo, os cuidados com os dois filhos e as idas e vindas com o pai das crianças, de quem está separada, mas com quem continua a se relacionar. Graças a um mal-entendido, Maud vence um concurso promovido pela prefeitura para revitalizar a esplanada diante da catedral de Notre-Dame. Os acontecimentos que se seguem a colocam em meio a um turbilhão, e, como se não bastasse, um amor de juventude ressurge em sua vida...

5 MOTIVOS PARA ASSISTIR

1. A trama é levemente inspirada na vida da diretora Valérie Donzelli, que também interpreta a heroína do filme. O roteiro inicial contava a história de uma cineasta, mas, para que a produção não se tornasse algo muito próximo de uma autobiografia, a carreira cinematográfica foi substituída pela arquitetura. O curioso é que a própria Valérie também estudou arquitetura.


2. Maud, a protagonista, é o exemplo da mulher contemporânea, que se desdobra em mil versões para poder atender às cobranças do cotidiano. Cheia de personalidade e um tantinho atrapalhada, ela sempre dá um jeito de dar conta de tudo, ainda que Martial, o pai de seus filhos, insista em lhe complicar a vida por causa dos próprios problemas com a atual companheira. O mais bacana é ver como Maud vai lidando com cada uma das questões que surgem inesperadamente – porque, sim, tudo parece acontecer de maneira repentina com ela!


3. O filme tem um simpático tom de conto! Somam-se a isso alguns detalhes adoráveis que fazem toda a diferença nessa história. São eles: a presença do fantástico (uma espécie de realismo fantástico, já que tudo é naturalmente incorporado à realidade); o fato de a protagonista estar sempre com o mesmo vestido xadrez durante praticamente todo o filme, acentuando o lado “personagem” da coisa toda; e um evento com ares de absurdo que tomou conta das ruas parisienses – de repente e sem motivo, os transeuntes são frequentemente surpreendidos com um tabefe na cara, dado por um estranho qualquer.

Ah, além disso, o longa tem um momento musical que une todos os personagens de um jeito que até pode causar certo estranhamento, mas que, na verdade, é mais um dos aspectos graciosos aqui!

4. Homem nenhum é um príncipe encantado, as relações muitas vezes são inclassificáveis, a gravidez nem sempre é um momento especial, e pessoas que já estão em um relacionamento se sentem atraídas e podem acabar se relacionando com outras. É a vida real que acontece aqui no filme, em contraste com o aspecto fantasioso de algumas cenas – e é isso o que o torna tão especial.


5. O filme é, de certa forma, uma declaração apaixonada a Paris. E suas ruas, monumentos e construções. Ainda – e com uma pontinha de tristeza –, podemos admirar a magnífica catedral de Notre-Dame antes do incêndio que a acometeu em abril de 2019.

TRAILER E INFOS




Notre Dame (Notre Dame) – 90 min.
França | 2019
Direção: Valérie Donzelli
Roteiro: Valérie Donzelli, Benjamin Charbit
Elenco: Valérie Donzelli, Pierre Deladonchamps, Thomas Scimeca, Bouli Lanners, Virginie Ledoyen, Isabelle Candelier

Estreia: 11 de fevereiro

Aline T.K.M.
Criou o Livro Lab há 11 anos e se dedicar a este projeto é uma das coisas que mais ama fazer, além de estar em contato com os mais variados tipos de expressões artísticas. Tem paixão por cinema, viajar e conhecer outras culturas. Ah, e ama ler em francês!

 

Você também vai  

Nenhum comentário

Parceiros