‘Terra das Mulheres’: utopia traz sociedade exclusivamente feminina e um punhado de mensagens problemáticas | Resenha | Livro Lab
Últimos vídeos    |  Se inscreva no canal
Resenha: Geek Love  Resenha | Contumélia, um romance de época com aventura e mistério  Resenha | Justin, HQ de Gauthier, aborda o que é ser transgênero
Semana do Consumidor Amazon | Livros

‘Terra das Mulheres’: utopia traz sociedade exclusivamente feminina e um punhado de mensagens problemáticas | Resenha

Charlotte Perkins Gilman 26 de setembro de 2018 Aline T.K.M. 2 comentários

Resenha de Terra das Mulheres, de Charlotte Perkins Gilman | Livros

Publicado originalmente em 1915, Terra das Mulheres nos apresenta um país composto inteira e exclusivamente por mulheres. Uma vida em comunidade aparentemente perfeita e livre dos males comuns do mundo que conhecemos. Uma sociedade que tem na maternidade o seu objetivo maior – e as crianças são geradas sem qualquer participação masculina.

Aparentemente utópica, a sociedade criada pela autora norte-americana Charlotte Perkins Gilman não preenche todos os critérios para ser enquadrada numa espécie de celebração do feminino. A verdade é que o discurso aqui traz alguns – muitos – problemas.

Não me entendam mal: Terra das Mulheres é uma ótima leitura, desde que seja feita com olhar crítico. Há muito sobre o que refletir e é um livro bastante interessante para ser discutido. Até tentei ser sucinta no meu pensamento, mas vocês podem ver aí no vídeo que eu acabei me estendendo um pouquinho.

Então acompanhem aí o que eu achei sobre o livro, quais foram essas tais mensagens problemáticas que a leitura trouxe e, em contrapartida, quais ideias levantam aspectos positivos e permanecem atuais até hoje.


ASSISTA NO YOUTUBE | SE INSCREVA NO CANAL


Em tempo: me esqueci completamente de mencionar no vídeo, mas um ponto interessante de notar na trama é a total descrença masculina na sororidade. Os três protagonistas não acreditam que as mulheres possam viver em cooperação, já que, para eles, todas as mulheres estão sempre competindo entre si. A sociedade que encontram desmente lindamente essa ideia. No entanto, o problema aqui, mais uma vez, se dá pela ausência de qualquer aspecto/instinto/necessidade sexual nessas habitantes, o que também tira de jogo qualquer necessidade natural (e mesmo biológica) de disputa.

Olha, já estou me demorando de novo aqui nas ideias! Isso é para vocês verem que esse livro dá pano pra manga e é combustível para discussões e debates acalorados.



Terra das Mulheres

Onde comprar: Amazon

Título: Terra das Mulheres
Título original: Herland
Autor(a): Charlotte Perkins Gilman
Tradução: Flávia Yacubian
Editora: Rosa dos Tempos
Edição: 2018
Ano da obra: 1915
Páginas: 256

Aline T.K.M.
Criou o Livro Lab há 8 anos e blogar é uma das coisas que mais ama fazer, além do teatro, da dança e dos mais variados tipos de expressões artísticas. Tem paixão por viajar e conhecer outras culturas. Ah, e ama ler em francês!

 

Você também vai  

2 comentários

  1. Mesmo com as problemáticas gostei bastante, talvez o problema seja a época em que ele foi escrito, pro contexto deveria ser muito inovador e a frente mas hoje em dia soa machista. Mais um pra lista que depois de conferir venho te dizer o que achei.

    Abs

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eu fiquei até com certo receio de fazer essa resenha porque talvez as pessoas interpretassem minhas críticas como se eu não tivesse gostado do livro e não indicasse a leitura. Mas foi o contrário! O livro me deixou pirando nas ideias, tem muito para refletir, para pensar no ontem e no hoje, e o fato de a mensagem da autora ter mexido com minha porção crítica rsrs foi um plus. E sim, a época do livro tem que ser sempre considerada. Quero saber depois o que você achou!

      Excluir

Siga @aline_tkm lá no Instagram!

Editoras Parceiras