Quote da quinzena #27 | Livro Lab
Últimos vídeos    |  Se inscreva no canal
Resenha: Sopa de Lágrimas, de Gilbert Hernandez  3 hábitos musicais de hoje e da minha adolescência  My Little Pony – O Filme: 4 motivos para assistir
Leituras de abril

Quote da quinzena #27

Jorge Miguel Marinho 31 de março de 2015 Aline T.K.M. 2 COMENTÁRIOS


Pensem em um livro singelo, delicado. Para mim, logo me vem à mente Lis no peito: um livro que pede perdão, de Jorge Miguel Marinho.

Olha, poucas vezes um infantojuvenil me tocou tanto como aconteceu com esse livro. Na realidade, aqui, prefiro descartar os rótulos: a história é de uma maturidade incrível, além de bastante sensível, e a recomendaria para todas as idades. O tema? O primeiro amor; quer coisa mais linda?

Sugiro que, depois, vocês deem uma olhadinha na resenha que publiquei dele há uns dois anos – além do conteúdo, o livro é visualmente lindo, com projeto gráfico caprichadíssimo. Mas agora é hora de conferir alguns trechos do livro, e vocês irão entender do que estou falando...

Nunca se viram frente a frente mas não há a menor dúvida de que se encontraram nos esconderijos da imaginação. De que existe um grande amor e um livro muito especial esperando por você e por todas as outras pessoas do mundo, mesmo que esse encontro não passe de uma promessa [...]

Permanecia esperando como um espectador que, na primeira fila da sala de um teatro, aguarda o início do espetáculo. Nunca se sentia no palco, nunca o espetáculo começava, nunca a vida acontecia. E ele ficava assim, à margem do mundo, sem espaço dentro dele, no mais completo estado de contemplação.

Às vezes não sentia nada, e esse é o pior sentimento para se dar a alguém tão próximo.

Pode ser que o amor tenha ficado atrás do pensamento ou do ódio, debaixo da solidão ou dentro do ciúme, a um centímetro ou a uma légua do sentimento de rejeição que às vezes revela a nossa dor mais sofrida e pior.

Lis no peito: um livro que pede perdão, de Jorge Miguel Marinho

Aline T.K.M.
Criou o Livro Lab há 7 anos e blogar é uma das coisas que mais ama fazer, além do teatro, da dança e dos mais variados tipos de expressões artísticas. Tem paixão por viajar e conhecer outras culturas. Ah, e ama ler em francês!

 

Você também vai  

2 COMENTÁRIOS

  1. Olá Aline, estou maravilhado com seu blog. Haha, está layout incrível, e esses trechos já acumularam mais um livro na minha top list de próximas leituras. Parabéns pelo blog.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Nailan! Obrigada, fofo da sua parte! <3 E sim, este livro é lindo, vale super a pena ler!

      Excluir

Siga @aline_tkm lá no Instagram!

Parceiros