Vi na Livraria: A Camareira, de Markus Orths | Livro Lab
Últimos vídeos    |  Se inscreva no canal
Filme: Um Tio Quase Perfeito  Livros recebidos em abril  Resenha + Sorteio: Quer que eu desenhe? (vol.2)
Leituras de abril

Vi na Livraria: A Camareira, de Markus Orths

L&PM 18 de julho de 2011 Aline T.K.M. 9 COMENTÁRIOS


Não pude deixar de trazer A Camareira, de Markus Orths, a este Vi na Livraria. Sério, o livro me pareceu fantástico e tenho mesmo vontade de acrescentá-lo a minha (já imensa) lista de futuras leituras. Suas 133 páginas não seriam responsáveis por "atrasar" minhas leituras... É, realmente vale a pena considerar a possibilidade de acolher mais um livrinho. Sem falar que a capa me atraiu bastante (adoro essa imagem retrô da camareira).

E olha só que interessante: no site da editora tem uma matéria na qual o colunista José Castello comenta o livro A Camareira (saiu no caderno Prosa & Verso do jornal O Globo no dia 26/02/2011). Clique aqui para ler a matéria. Gostei muito do que o José Castello escreveu, e ao ler a matéria minha curiosidade em relação ao livro aumentou incontrolavelmente.

A CAMAREIRA, de Markus Orths, L&PM Editores.
SINOPSE: Lynn Zapatek vive desconectada do mundo. Trabalha no Hotel Eden, recolhendo toalhas sujas do chão, limpando vasos e banheiras, organizando os quartos enquanto os hóspedes estão fora. Ela é boa no que faz, e o faz com esmero: não se contenta em limpar a superfície visível dos móveis; com o auxílio de uma faca ela acessa cantos difíceis, redutos de poeira há muito esquecidos, e liquida nódoas aparentemente irredutíveis. Somente por meio dos objetos e pertences de desconhecidos é que ela consegue participar do jogo da vida. Lynn não se apressa ao imaginar se uma hóspede dormiu com ou sem pijama, por que outra trouxe um secador de cabelo, quando cada quarto do hotel conta com o seu próprio.

Um dia, em meio a devaneios voyeurísticos, o hóspede do quarto 303 retorna. Lynn se esconde embaixo da cama. Uma nova possibilidade se abre para sua existência: a partir de então, todas as terças-feiras ela vai se refugiar embaixo da cama de um hóspede. Markus Orths, um dos mais premiados e promissores jovens nomes das letras alemãs, mescla fetiches, manias e suspense num celebrado e inusitado romance sobre a solidão e a incomunicabilidade.

Aline T.K.M.
Criou o Livro Lab há 7 anos e blogar é uma das coisas que mais ama fazer, além do teatro, da dança e dos mais variados tipos de expressões artísticas. Tem paixão por viajar e conhecer outras culturas. Ah, e ama ler em francês!

 

Você também vai  

9 COMENTÁRIOS

  1. Nossa, que simpatia essa sinopse!!! Também fiquei com vontade de ler, hahaha... e adorei essa camareira, gente! por mim ela pode ficar embaixo da minha cama quando quiser se for limpar os cantinhos com faca!!! Que amor! Hahahaha...


    beijão!
    Mari do Felizvros

    ResponderExcluir
  2. Nossa, eu nunca tinha ouvido falar do livro, mesmo a sinopse sendo engraçado, não seria um livro que eu leria. Gostei de saber que saiu na sessão Prosa e Verso, do jornal O Globo. :)
    E gostei de sua curiosade pelo livro. Espero que você possa o comprar! :)
    Beijos ;*

    Ana Carolina
    http://loucospor-livros.blogspot.com

    ResponderExcluir
  3. Ei Aline conseguistes me deixar curiosa com este livro, já está na minha lista de leituras futuras.
    estrelinhas coloridas...

    ResponderExcluir
  4. Não é um livro que eu pegaria para ler de primeira mas fiquei curiosa com a recomendação. E gostei do resumo, acho que vai para a minha enorme lista também, haha. Vou esperar sua resenha dele. *-*

    Rachel Lima
    http://etcoetra.blog.br

    ResponderExcluir
  5. Este livro parece ser bem interessante, mas a capa não me agradou muito.

    Mas obrigada pela indicação!

    Bia | Blog Livros e Atitudes

    ResponderExcluir
  6. A Alba do Psychobooks tinha me recomendado esse livro.
    Ainda não li, mas o parece que todo mundo está gostando. ^^

    Beijos.

    ResponderExcluir
  7. Calma aí que eu tô indo alí na livraria...
    Tudo aqui é sempre bacana e confortável. Não preciso dizer mais nada, preciso?! (-:

    Fernanda Mathièu,
    http://literaturacafeinada.wordpress.com/

    ResponderExcluir
  8. Oi Aline! Tudo bem?
    Fiquei curiosa também =)

    Gostei daqui, sabia? =)

    Quero que você conheça a livraria que trabalho. É só clicar no meu login para ir até lá.

    Tenho um blog brechó também www.brechodameninazen.blogspot.com =)

    Um beijo,
    Fernanda.

    ResponderExcluir

Segue @aline_tkm lá no Instagram!

Parceiros