‘Atentado ao Hotel Taj Mahal’: filme traz barbárie e mergulho em uma das loucuras mais incompreensíveis dos dias atuais | Livro Lab
Últimos vídeos    |  Se inscreva no canal
Resenha: Dance of Thieves  Resenha: Black Hole, de Charles Burns  Clube da Rádio: 5 motivos para assinar + unboxing
Semana do Consumidor Amazon | Livros

‘Atentado ao Hotel Taj Mahal’: filme traz barbárie e mergulho em uma das loucuras mais incompreensíveis dos dias atuais

Anthony Maras 2 de maio de 2019 Aline T.K.M. Nenhum comentário

Filme Atentado ao Hotel Taj Mahal: barbárie e mergulho em uma das loucuras mais incompreensíveis dos dias atuais | Cinema

Com direção de Anthony Maras e baseado em acontecimentos verídicos, Atentado ao Hotel Taj Mahal retrata os atentados terroristas ocorridos em novembro de 2008 em Mumbai, na Índia, em diversos pontos da cidade e culminando na tomada do prestigioso hotel Taj Mahal.

Em meio ao caos, o chef Hermant Oberoi (Anupam Kher) e o garçom Ajun (Dev Patel) decidem arriscar suas vidas para proteger as vítimas no hotel, enquanto um casal de hóspedes precisa lutar pela própria sobrevivência e a de seu bebê.

Filme Atentado ao Hotel Taj Mahal: barbárie e mergulho em uma das loucuras mais incompreensíveis dos dias atuais | Cinema

O filme tem início com a chegada do grupo de terroristas, a bordo de um bote, a Mumbai. Encaramos seus rostos antes mesmo de conhecermos as futuras vítimas ou os heróis. Seus olhares trazem um misto de sentimentos, todos obliterados pela certeza de sua missão. Ouvimos as comunicações e as ordens daquele que os comanda remotamente.

Essa leve aproximação revela jovens cegos, manipulados em sua totalidade por uma fé torta. E aponta, acima de tudo, para a impossibilidade de qualquer negociação com essas pessoas ou sequer um apelo para a compaixão, de tão absorvidas e vendadas pela verdade em que acreditam.

Filme Atentado ao Hotel Taj Mahal: barbárie e mergulho em uma das loucuras mais incompreensíveis dos dias atuais | Cinema

Entre as vítimas no hotel, jovens turistas, famílias, homens a negócios, das mais diversas nacionalidades. E os corajosos funcionários. Muitos deles abriram mão de fugir tão logo tiveram oportunidade, e escolheram permanecer no hotel para tentar proteger e salvar os hóspedes, aos quais sempre foram orientados a tratar como “deuses”. Um sentido de subserviência algo controverso, mas que no longa – e na vida real – teve um significado belíssimo e cheio de humanidade.

Filme Atentado ao Hotel Taj Mahal: barbárie e mergulho em uma das loucuras mais incompreensíveis dos dias atuais | Cinema

Pesado, repleto de cenas visual e emocionalmente fortes, o filme consegue manter a tensão nas alturas durante as duas horas de projeção, nas quais testemunhamos um verdadeiro retrato da tragédia.

As sequências de ação se misturam aos dramas individuais – o casal tentando contato com a babá, que ficou no quarto com seu bebê; os jovens namorados; o próprio garçom Arjun, que é casado e tem uma bebezinha –, fazendo do espectador muito mais que mera testemunha; de fato, temos a sensação quase desesperadora de estarmos em meio a toda aquela barbárie.

Filme Atentado ao Hotel Taj Mahal: barbárie e mergulho em uma das loucuras mais incompreensíveis dos dias atuais | Cinema

É impossível ficar incólume diante da simples notícia de um ato terrorista no telejornal. Aqui, a sensação de revolta e impotência aparece multiplicada diante da proximidade com tamanha violência e a incessante lembrança de que tantas histórias são interrompidas ou alteradas para sempre depois de um acontecimento como esse.

Filme Atentado ao Hotel Taj Mahal: barbárie e mergulho em uma das loucuras mais incompreensíveis dos dias atuais | Cinema

Ponto que vale a pena mencionar é o preconceito e generalização dos ocidentais em relação aos muçulmanos e aos estereótipos, como o uso do turbante. O longa levanta a questão em momentos breves, mas suficientes para emocionar e fazer pensar.

Atentado ao Hotel Taj Mahal pode não ser o filme do ano nem nada do tipo, mas é absolutamente recomendável – a quem tiver estômago – como um mergulho naquilo que é uma das loucuras mais incompreensíveis dos dias atuais. Mas também, e principalmente, como uma mostra de que ainda existe humanidade e um fiapo de esperança no mundo.

TRAILER E INFOS




Atentado ao Hotel Taj Mahal (Hotel Mumbai) – 123 min.
Austrália, Índia, EUA | 2018
Direção: Anthony Maras
Roteiro: John Collee e Anthony Maras
Elenco: Dev Patel, Anupam Kher, Armie Hammer, Nazanin Boniadi, Jason Isaacs, Tilda Cobham-Hervey, Amandeep Singh, Suhail Nayyar, Kapil Kumar Netra, Natasha Liu Bordizzo, Angus McLaren, Carmen Duncan

Estreia: 2 de maio

Aline T.K.M.
Criou o Livro Lab há 9 anos e blogar é uma das coisas que mais ama fazer, além do teatro, da dança e dos mais variados tipos de expressões artísticas. Tem paixão por viajar e conhecer outras culturas. Ah, e ama ler em francês!

 

Você também vai  

Nenhum comentário

Siga @aline_tkm lá no Instagram!

Editoras Parceiras