TAG: Livros da discórdia | Livro Lab
Últimos vídeos    |  Se inscreva no canal
3 motivos para ver Descendentes 2, o novo filme do Disney Channel  Resenha: Civilizações – A Fonte: dois mundos, uma jornada, de Wallace Horta  Making of O Reino Gelado – Fogo e Gelo: com Larissa Manoela, João Guilherme, João Côrtes e Lipe Volpato
Leituras de abril

TAG: Livros da discórdia

Tag 15 de setembro de 2014 Aline T.K.M. 10 COMENTÁRIOS


Isso já aconteceu com você que eu sei: gostar muito de um livro e se dar conta de que o resto do mundo o detestou. Ou então, detestar uma leitura que todo mundo amou – e você nem consegue entender o motivo. É disso que se trata a tag "Livros da Discórdia", criada pela Ceile, do blog Este já li, e que eu respondo no vídeo a seguir.


http://youtu.be/mTzqcTIaTS8

POSTS RELACIONADOS:
Review: Um Mundo Brilhante
Review: Para Sempre
Review: Um Amor Para Recordar

Aline T.K.M.
Criou o Livro Lab há 7 anos e blogar é uma das coisas que mais ama fazer, além do teatro, da dança e dos mais variados tipos de expressões artísticas. Tem paixão por viajar e conhecer outras culturas. Ah, e ama ler em francês!

 

Você também vai  

10 COMENTÁRIOS

  1. Engraçado, porque gostei de Para Sempre justamente por causa disso: pelo teor religioso, a força do matrimônio e etc. Você é ateia?

    Prefiro o livro que o filme! Nunca li Uma Mente Brilhante, mas gostei bastante da capa. Um livro que muita gente ama e eu não curto é "Quem é você, Alaska?"

    Quanto "Um amor para recordar", amo o filme, mas não li o livro.

    Clara
    @clarabsantos
    clarabeatrizsantos.blogspot.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Então, não sou ateia, mas não sigo nenhuma religião, então sempre acho forçado quando a religião é abordada de forma pouco racional, sabe. Mas eu percebi pelas resenhas que li que todo mundo que curtiu o livro gostou desse lado mais cristão dele.
      Jura que você não curtiu Quem é você, Alasca? Eu ainda não li, mas pretendo logo que possível.
      Um Amor para Recordar foi A decepção, sabe. Também gosto muito do filme, mas o livro foi aquela coisa que tive que fazer um esforço para ir até o fim... Bjs!

      Excluir
  2. Crepúsculo eu achei mais ou menos, eu curti mas não achei nada demais.
    Para Sempre pra mim foi um livro ok, não foi lá essas coisas mas eu não amei. Mas eu não achei nada de tanto exagero religioso como você falou não, achei que eles quiseram mostrar a fé do casal e só. Ah, e achei o filme bem ruim, nada a ver com o livro, um filme bem "lixo" mesmo.
    E livro de Nicholas Sparks é assim mesmo, só açúcar, eu li um pra saber como era a leitura, e realmente não me agradou tanto, mas as vezes eu fico com vontade de ler, quando eu tô querendo ler uma história beeem romântica, haha.
    Ah, e um livro que eu detestei e todo mundo amou foi ACÉDE, mds, o povo fez um bicho que eu achei que John Green era o ninja da escrita. Não curti, detestei o final, achei muito besta.
    Enfim, é isso, haha. Beijos!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Nossa, já eu até gostei do filme Para Sempre. Agora, juro, para mim o livro foi um pé no saco, extremamente religioso no sentido de ser repetitivo mesmo. Aí chegou uma hora que eu não aguentava mais ler sobre fé a cada página virada.
      Sabe que você é a segunda ou terceira pessoa que vejo que não curtiu muito ACEDE. Ainda não li, mas tenho o livro na fila de leitura. Gostei do filme então tenho sim aquela expectativa com o livro, sabe, até porque não dá para ignorar a quantidade de fãs que ele tem. Do John Green eu li somente O Teorema Katherine e gostei - não achei uma obra-prima da literatura, mas me divertiu e gostei dos personagens.
      Beijos!

      Excluir
  3. Meu Deus, como você é linda, to impressionada kkkkk também não sei como não te conhecia ainda, já to super inscrita =) Adorei essa tag (adoro vídeos polemicos) e com certeza vou gravar. Não tenho a MENOR vontade de ler nenhum livro do Nicholas Sparks ou de ler esse Para Sempre, pois apesar de só ver resenhas positivas por aí e todo mundo adorando os livros, eu já imagino que não é minha praia kkkk ODEIO livro clichê
    Beijos!

    www.vanessachanice.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ei, Vanessa, obrigadaaaa, flor! Hihihihi, né, essa tag pode dar o que falar, dependendo dos livros que você aborda. Acho legal dar nossa opinião, até porque esse negócio de você detestar um livro que o mundo inteiro ama fica meio que entalado na garganta, do tipo, "preciso falarrrr". E o contrário também, quando você ama e nenhum outro ser vivo gosta.
      Então, depois dessa minha primeira e única experiência, eu não tenho lá muita vontade de ler Nicholas Sparks novamente, não. Uma vez foi o bastante. E Para Sempre, bom, se você procurar por aí vai ver mais opinião positiva que negativa, mas para o meu gosto foi péssimo huhauah. Gosto é gosto, né! Bjos!

      Excluir
  4. Concordo com você, o que gosto de Um Mundo Brilhante é o que os outros não gostam. As pessoas querem ler fantasia o tempo todo e quando se deparam com algo muito mais óbvio na vida se incomodam. A narrativa dele é ótima e a gente aprende muito com ele também.
    Quando a Crepúsculo, também não gostei, não é pra mim e a escrita é pobrinha mesmo..

    Beijinhos, Helana ♥
    In The Sky, Blog / Facebook In The Sky

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Né! Eu gostei muito de Um Mundo Brilhante, e talvez penso que quem não curtiu talvez tivesse colocado muita expectativa no protagonista, sei lá, talvez esperassem que ele agisse mais, ou que houvesse alguma reviravolta decisiva em sua vida. Gostei demais do livro, de verdade.
      Beijoka!

      Excluir
  5. Eu sou uma das pessoas que ama Crepúsculo rs.
    Sério que você não viu resenha negativa de Para Sempre? Eu desisti de ler (por ora) justamente pela enxurrada de opiniões nem tão boas assim. Eu só assisti o filme e gostei bastante, então vou manter assim. Uma amiga minha leu e reclamou que, em determinado ponto, vira meio auto-ajuda, mostrando como eles "venceram", ficaram ricos, palestraram etc - o que eu acho que foge um pouquinho da proposta de contar a história de amor.

    Beijos,
    Ceile.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Nossa, juro, não vi uma resenha negativa que seja de Para Sempre! Eu assisti ao filme meio descrente, mas acabei gostando, sabe - bem melhor que o livro. E concordo com sua amiga, o livro acaba virando aquela história de superação toda "clichezada", meio autoajuda mesmo, falando de fé o tempo todo, e tem essa parte das palestras, da visibilidade que o casal teve. Enfim, não curti. =S
      Beijos!

      Excluir

Siga @aline_tkm lá no Instagram!

Parceiros