3 livros que cabem neste feriado | Livro Lab
Últimos vídeos    |  Se inscreva no canal
3 motivos para ver Descendentes 2, o novo filme do Disney Channel  Resenha: Civilizações – A Fonte: dois mundos, uma jornada, de Wallace Horta  Making of O Reino Gelado – Fogo e Gelo: com Larissa Manoela, João Guilherme, João Côrtes e Lipe Volpato
Leituras de abril

3 livros que cabem neste feriado

Gabriel García Márquez 13 de novembro de 2013 Aline T.K.M. 10 COMENTÁRIOS

Leituras rapidinhas e com menos de 150 páginas (para ler em três dias tranquilamente!) que têm tudo para embalar seu feriado.

MEMÓRIA DE MINHAS PUTAS TRISTES, de Gabriel García Márquez
132 páginas

Um amor diferente, mas, sobretudo, uma leitura para se deliciar com a prosa do Gabito.
"No ano que completei noventa anos, quis presentear-me com uma noite de amor louco com uma adolescente virgem". Um velho jornalista que passou anos escrevendo crônicas maçantes e dormindo com mulheres descartáveis, até que deparar-se com Delgadina. A figura da ninfeta adormecida, ainda pura, lhe fará conhecer o amor.

UMA GARRAFA NO MAR DE GAZA, de Valérie Zenatti
128 páginas

Tema delicado em narrativa ágil e fluida.
Uma garrafa no mar de Gaza mostra uma adolescente israelense que, após (mais) uma notícia de um homem-bomba que se explodiu, decide escrever uma carta a um palestino imaginário. Coloca-a numa garrafa e pede ao irmão que a jogue no mar, perto de Gaza. Só que ela não esperava a resposta de um tal “Gazaman” nem as conversas que se seguiriam entre ela, uma israelense, e um jovem palestino.
Leia o review aqui.

O ESCAFANDRO E A BORBOLETA, de Jean-Dominique Bauby
142 páginas

Espirituoso, passa longe do dramalhão e do óbvio.
Após um AVC seguido de um coma profundo, Jean-Dominique Bauby encontra-se preso em um corpo inerte, no qual só um olho se mexe. O olho esquerdo será sua única conexão com a vida, e é através dele que escreve este livro: a melhor não ficção que já li na vida.
Leia o review aqui.

Aline T.K.M.
Criou o Livro Lab há 7 anos e blogar é uma das coisas que mais ama fazer, além do teatro, da dança e dos mais variados tipos de expressões artísticas. Tem paixão por viajar e conhecer outras culturas. Ah, e ama ler em francês!

 

Você também vai  

10 COMENTÁRIOS

  1. Uma garrafa no mar de gaza é aquele livro que eu quero ler, mas não encontro em lugar nenhum :(

    Bjus.

    http://livrosleituraseafins.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  2. Memórias de minhas putas tristes é tão bonito! Li faz uns anos, nem sei onde o meu foi parar... e o Uma garrafa no mar de Gaza super vale a pena, preciso ver o filme. E vou passar o feriado trabalhando, fml

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Verdade, Memórias é um livro que adoro, aliás, difícil não adorar algo feito pelo García Márquez, né... Ah, vê sim o filme de Uma garrafa, é muito bom, e diferente do livro, vale a pena.

      Excluir
  3. Oi Aline,
    Adorei as dicas, não li nenhum dos três. Não poderei lê-los nesse feriado, mas futuramente com certeza os lerei.
    Eu tenho o filme O Escafandro e a Borboleta, ainda não o vi, tampouco sabia que era baseado em um livro. Ótima novidade, agora fiquei com vontade de lê-lo primeiro.
    Beijão
    Cooltural

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ei, Ademar, o que está esperando para assistir O Escafandro e a Borboleta??? Vê já, o filme é muito bom, o ator que faz o protagonista é sensacional. Vale muito a pena ver o filme e ler o livro porque são diferentes; o filme vai contando como foi que tudo aconteceu, como o cara vai passando os dias no hospital, os avanços, a tomada de consciência do estado dele próprio. Já o livro são meio que crônicas que ele escreve baseadas no dia a dia dele nesta condição. Ele conta alguns episódios que aconteceram e tem um toque de humor muito particular.

      Excluir
  4. tenho trauma do "Gabito" pois achei 100 anos de solidão bem chato, já que é longo e repetitivo, então não sei se um dia terei coragem de ler outra obra dele.
    o segundo parece bom.
    o terceiro deve ser ótimo! assisti o filme, mas certeza ler deve ser ainda melhor.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Aiii, não diz isso! Cem Anos de Solidão é o livro que mais amo na vida, até hoje pelo menos. Mas é daqueles que existe o famoso "tempo certo" para ler. De repente você não estava num bom período. Espera um pouco e tenta ler de novo.

      Excluir
  5. Memórias de minhas putas tristes é ótimo. *-*

    ResponderExcluir
  6. Oi Aline! Sempre ouvi comentários muito bons a respeito de Memórias de Minhas Putas Tristes e agora, vendo em sua recomendação, fiquei ainda mais curiosa.
    Uma Garrafa no Mar de Gaza parece ser muito bonito também! Já está na lista de desejados! <3
    Ótimas dicas!

    Mil beijinhos! www.primeiro-livro.com

    ResponderExcluir
  7. Dois estão na minha lista de leituras, "Uma garrafa no Mar de Gaza" e "Memórias de minhas putas tristes" :)

    Beijos,
    Jhey
    www.passaporteliterario.com

    ResponderExcluir

Siga @aline_tkm lá no Instagram!

Parceiros