Livro + Filme: Thérèse Desqueyroux nos cinemas | Livro Lab
Últimos vídeos    |  Se inscreva no canal
Filme: Um Tio Quase Perfeito  Livros recebidos em abril  Resenha + Sorteio: Quer que eu desenhe? (vol.2)
Leituras de abril

Livro + Filme: Thérèse Desqueyroux nos cinemas

À la française 6 de abril de 2013 Aline T.K.M. 11 COMENTÁRIOS

Vim aqui falar de um livro que está na minha fila de leitura há pouco mais de um ano – deste ano não passa! E de uma adaptação cuja estreia eu já aguardava ansiosamente. Sem muito suspense, falo de Thérèse Desqueyroux.

LIVRO: Thérèse Desqueyroux, de François Mauriac, Cosac Naify (coleção Prosa do Mundo).
Sinopse: A trama acompanha o percurso da protagonista de um escândalo conjugal, juntando-se a ela em um tortuoso exame de consciência. Thérèse tenta envenenar o marido, Bernard. No entanto, para evitar escândalos e proteger os interesses da filha do casal, Bernard depõe de forma a livrar a esposa dos tribunais. Reclusa em seu quarto, Thérèse é tomada por uma prostração tão profunda que seu marido, assustado, já não sabe qual decisão tomar. Será que ele realmente deve dar a liberdade a Thérèse?

De François Mauriac, o livro foi publicado originalmente em 1927 e é um clássico da literatura francesa. Adquiri-o de maneira memorável; ao visitar um mercado de pulgas dominical com um amigo muito querido, parei (claro!) para garimpar livros. Foi o Benoît quem me apontou o livro, sugerindo que o levasse. E levei, por meros 50 centavos de euro. Não digitei errado, não. Um exemplar em ótimo estado – somente as folhas já estavam amareladas – de Thérèse Desqueyroux por 50 centavos de euro! Todos os livros estavam com preços similares, uma tentação só. Não enchi minha bolsa com dezenas deles somente porque já pensava que não conseguiria trazê-los todos quando voltasse para o Brasil. Mas só por isso.

FILME: Thérèse D., direção de Claude Miller, França, 2012.
Sinopse: Em uma época onde os casamentos eram feitos para unir as terras e aliar as famílias, Thérèse casa-se muito cedo e torna-se a senhora Desqueyroux. Bernard tolera a personalidade e as opiniões fortes de sua brilhante esposa, mas ela logo se vê sufocada pelo tédio de sua vida provincial e pela mediocridade intelectual de seu marido. Mas Thérèse não cede às convenções da sociedade de sua época. Ela sonha com o a efervescência cultural de Paris e começa a procurar uma maneira de revolucionar sua vida. Para se libertar do destino que lhe foi imposto, ela será capaz de tudo.

O filme estreou esta semana e é, na realidade, a segunda adaptação cinematográfica do livro – a primeira é de 1962 e teve Emmanuelle Riva, do filme Amor, como protagonista. O remake, intitulado Thérèse D., traz Audrey Tautou no papel principal e foi o último filme do diretor francês Claude Miller, que faleceu em abril passado devido a um câncer. Thérèse D. encerrou a edição de 2012 do Festival de Cannes.



Sobre o autor: François Mauriac nasceu em 1885, em Bordeaux, França. De família burguesa, católica e conservadora, em seus romances enfocava a vida burguesa e explorava o combate do bem e do mal. Seu nome figura entre os grandes escritores franceses do século XX; fez parte da Academia Francesa de Letras e, em 1952, recebeu o Nobel de Literatura.

Aline T.K.M.
Criou o Livro Lab há 7 anos e blogar é uma das coisas que mais ama fazer, além do teatro, da dança e dos mais variados tipos de expressões artísticas. Tem paixão por viajar e conhecer outras culturas. Ah, e ama ler em francês!

 

Você também vai  

11 COMENTÁRIOS

  1. Acho que eu não chegaria a ler o livro, Aline, não é o tipo de enredo que me pega numa leitura. Mas o filme já seria mais interessante pra mim, gostei do trailer e ADORO a Audrey!

    Bjs,
    Kel
    www.itcultura.com.br

    ResponderExcluir
  2. Acho que sou da opinião da moça ai de cima, eu acho que não seria meu estilo de leitura, porque gosto de coisa mais light. Seila...eu não conheço os livros. Nunca ouvi falar, mas eu gosto mais de romance e fantasia. Então nao sei pra falar a verdade (risos)
    Mas legal sua postagem, pois assim conhecemos livros diferentes. =]

    Olha linda, depois passa no meu blog que tá cheio de novidade de livros novos.
    beijinhos e tenha um ótimo final de semana

    lovereadmybooks.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  3. Amiga se puder siga o meu blog. Estou alertando todos os blogs que estou seguindo, porque nem todos estão. mas enfim...obrigada

    ResponderExcluir
  4. Taí um livro que fiquei tentadíssima a ler...
    Agora o filme terá que esperar. ;oD

    Xerinhos
    Patrícia
    almadomeusonho.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  5. Ahh, a atriz de O Fabuloso Destino de Amélie Poulain <3
    Não sei se teria vontade de ler o livro, mas o filme fiquei muito afim de assistir.

    beijos

    www.apenas-um-vicio.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  6. Não sabia que tinha livro, olha só. Conheço muito do cinema francês, mas a literatura praticamente NADA!
    Você já assistiu a primeira versão do filme com a Emmanuelle Riva, é muito bom, aconselho. Fiquei revoltada que ela não levou o Oscar mais ok. ok....
    Eu tenho o filme com a Riva! É um dos meus favoritos. Obviamente vou assistir com a Audrey, ela é a minha diva francesa ♥

    Beijinhos.
    www.intheskyblog.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Helana, eu adoro o cinema e a literatura francesa, apesar de não ser nenhuma expert nos assuntos, mas sou uma eterna curiosa e "passionnée"!
      Audrey é minha diva também! E eu compartilho da sua revolta em relação ao Oscar... A Emmanuelle Riva merecia e até hoje estou boba por ela não ter levado. Um bjo!!

      Excluir
  7. Oi Aline!
    Eu não conhecia o livro e achei a temática interessantíssima!
    E gente, 50 centavos de euros? Impossível resistir!
    Adoro a Audrey Tautou e só isso já é um ponto positivo pro filme!
    Gostei das indicações!
    Beijão e boa semana!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Aione!! Pois é menina, 50 cents, dá vontade de levar a banquinha inteira do cara hahaha!
      A Audrey é incrível e eu pretendo ver esse filme neste próximo fim de semana, sem falta! Aliás, veria qualquer filme que tivesse a Audrey no elenco! Bjinhos!

      Excluir

Segue @aline_tkm lá no Instagram!

Parceiros